top of page

IMAGINAL EDUCATION

Atualizado: 14 de mai.

Workshop internacional propõe metodologia transformadora para a Educação no Brasil

Educadores de todo o país aprendem sobre práticas inovadoras do Profound Learning com idealizadores canadenses em Pompeia


Workshop internacional reuniu educadores de todos o país no IDF em Pompeia (SP), no início de março

Educadores de diferentes regiões do Brasil participaram do Workshop Imaginal Teachers Training, realizado nos dias 8 e 9 de março, em Pompeia.  O workshop internacional foi promovido pela Fundação Shunji Nishimura de Tecnologia, por meio do Imaginal Transformation Center – ITC Brasil, com apoio da Imaginal Education, organização canadense que desenvolveu a Filosofia Imaginal e metodologia educacional Profound Learning. O evento contou com o apoio do Grupo Jacto e foi realizado no Instituto de Desenvolvimento Familiar (IDF) “Chieko Nishimura”.



As palestras e atividades foram ministradas pelo criador da Filosofia Imaginal, o educador e CEO do Imaginal Education, Tom Rudmik, e pelos desenvolvedores do método de ensino Profound Learning, as instrutoras Cindy Backstrom, Marci Hogg e o instrutor Curtis Arends, que teve sua participação no evento por meio virtual. A equipe Imaginal Education é canadense.


O criador da Filosofia Imaginal e CEO da Imaginal Education, o educador canadense Tom Rudmik

PROFOUND LEARNING

Durante os dois dias de treinamento, os participantes do workshop aprenderam sobre o Profound Learning, metodologia de aprendizagem desenvolvida por meio de pesquisas cientificas que estimulam criatividade, colaboração, pensamento crítico e resolução de problemas.


Educadores desenvolveram atividades relacionadas à Filosofia Imaginal para praticar teorias aprendidas

Os educadores presentes no evento tiveram acesso a conhecimentos sobre colaboração interdependente, novos papéis de alunos e professores no processo de aprendizagem, neurociência, avaliação formativa, personalização, autonomia de aprendizagem e conexão com o futuro.

“O workshop tem o objetivo de despertar os participantes para a inovação do processo de Educação. É o ponto de partida de conscientização e identificação da necessidade de transformação do processo de aprendizagem”, destacou o superintendente executivo da FSNT, o professor doutor Elvis Fusco, que há mais de 25 anos atua na área educacional.

O superintendente executivo da FSNT, o professor doutor Elvis Fusco: workshop desperta para inovação

METODOLOGIA APLICADA

A metodologia de aprendizagem já é aplicada na FSNT no Ensino Médio do Senai Pompeia “Shunji Nishimura” e no Colégio Shunji Nishimura. “Tem sido muito gratificante termos alunos autônomos, que cumprem compromissos e metas de forma madura e consciente”, destacou a coordenadora pedagógica do Senai Pompeia, Ana Carolina Nascimento.


A coordenadora pedagógica do Senai Pompeia, Ana Carolina Nascimento: experiência pioneira de metodologia
Participante do Workshop em 2023 e presente na edição de 2024, a educadora Simone Michelin, de Sananduva (RS), afirmou já estar colhendo os primeiros resultados da aplicação de conceitos da metodologia Profound Learning em sua instituição de ensino. “Os alunos estão mais motivados para a leitura e a produção textual”, disse.

A educadora Simone Michelin, de Sananduva (RS) participa pelo segundo ano do workshop internacional

A representante de um grupo educacional de São Paulo, Monica Haf, afirmou ter encontrado no workshop a metodologia que procurava para a escola que será inaugurada em 2025, na capital paulista. “É a convergência da ideologia e filosofia que queremos oferecer em nossa futura instituição”.


A representante de um grupo educacional de São Paulo, Monica Haf, aprovou metodologia de ensino

EDUCAÇÃO DISRUPTIVA

A metodologia Profound Learning possibilita aos aprendizes a construção de uma visão de futuro alicerçada a partir de referências históricas associadas a habilidades de interpretação do futuro.

“Conseguem imaginar o impacto disso na vida de um jovem?”, questionou o CEO Tom Rudmik. “Precisamos criar líderes imaginais que sejam capazes de ressignificar o presente para criar um futuro melhor”, afirmou.

“O Brasil também precisa de líderes imaginais, e os professores devem ser futuristas, como designers da aprendizagem. A inovação se une à fé no futuro e o amor dá sustentação ao processo de criação”, afirmou Rudmik.

 

SOBRE A FSNT

A Fundação Shunji Nishimura de Tecnologia é uma organização educacional com atuação em ciência, tecnologia e inovação, criada em 1979 pelo imigrante japonês Shunji Nishimura e sua família como forma de agradecimento ao Brasil.

Com 45 anos de história, a instituição tem contribuído significativamente para o desenvolvimento tecnológico e de talentos do país, oferecendo iniciativas educacionais e de inovação próprias e em parcerias com organizações públicas e privadas, que preservam a trajetória desse legado de generosidade e compromisso com o desenvolvimento da sociedade brasileira.

Mantém o Colégio Shunji Nishimura, instituição de educação básica, o Senai Pompeia Shunji Nishimura em parceria com o Senai SP e a Fatec Pompeia Shunji Nishimura, fruto de convênio público-privado com o Governo do Estado de São Paulo.

30 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


bottom of page